ABM - Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração

Estamos em home office. O suporte pelo tel (11) 5534-4333 estará indisponível nesse período.

ArcelorMittal Brasil recebe certificação ambiental de instituto alemão

Empresa é a primeira produtora de aço a conseguir essa certificação

A ArcelorMittal Brasil é a primeira produtora de aço a conseguir a Declaração Ambiental de Produtos (DAP) para telas, treliças, CA60 Nervurado, arames recozidos e pregos. Os produtos são aplicados na construção civil e desenvolvidos nas trefilarias da empresa. Essas certificações juntam-se à DAP para vergalhões CA25 e CA50, obtida no ano passado.  A declaração é emitida pelo IBU (Institut Bauen und Umwelt), órgão alemão. 
 
Trata-se de um documento auditado de forma independente que reúne informações sobre o ciclo de vida ambiental e os respectivos impactos dos produtos. “O diferencial da declaração  é que os clientes agora possuem transparência na informação dos impactos dos produtos da ArcelorMittal Brasil, considerando todas as fases até o fim de vida”, explica Guilherme Abreu, Gerente Geral de Sustentabilidade. 
 
Coordenado pelo setor de Sustentabilidade da ArcelorMittal e com o apoio das áreas de Meio Ambiente, Comercial, Desenvolvimento de Produtos, Engenharia e Inovação e unidades industriais do segmento de Aços Longos, o processo da certificação para os novos produtos levou cerca de um ano e meio. A equipe de Pesquisa & Desenvolvimento de Mazières, na França, e o segmento de Aços Longos Europa - que colaboraram na obtenção da declaração para vergalhões - também deram suporte nesta iniciativa.
 
A importância da DAP vem aumentando ao longo dos últimos anos, seguindo uma tendência global. O documento corresponde à declaração emitida por um órgão de certificação internacional em resposta às demandas dos grandes clientes e entidades representativas do setor. É uma ação pioneira orientada para o ciclo de vida dos produtos.  “A nova DAP atesta o compromisso da ArcelorMittal em oferecer maior gestão em seu portfólio relacionada à sustentabilidade.Com o documento garantimos maior segurança sobre os dados do ciclo de vida dos aços destinados à construção, além de fortalecer o processo de venda técnica e consultiva dos nossos produtos”, aponta Antonio Paulo Pereira Filho, gerente de Desenvolvimento de Produtos e Mercado da ArcelorMittal Aços Longos.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da ArcelorMittal
 

Deixe seu comentário

Assine a newsletter

e fique por dentro de tudo sobre Metalurgia, Materiais e Mineração.

Publicações