pt

  • pt

  • en

  • es

ABM News

ArcelorMittal Cariacica intensifica projetos sociais em 2017

30/01/2017
A ArcelorMittal Cariacica está colhendo os frutos de um trabalho que iniciou em 2015, com a realização de um diagnóstico nas comunidades, e foi intensificado em 2016, com a implantação de novos projetos de responsabilidade socioambiental e de ações para aprimorar o relacionamento com as comunidades do seu entorno.

Por meio do projeto Portas Abertas, a ArcelorMittal Cariacica levou moradores de seis bairros do seu entorno para visitarem a empresa e conhecerem seus processos de produção, controles ambientais, produtos e projetos de responsabilidade socioambiental, ampliando o diálogo e a troca de informações entre ambos.


 Por meio do projeto Artes Cênicas Mês a Mês, a ArcelorMittal Cariacica promoveu espetáculos de companhias de teatro de Minas Gerais e do Espírito Santo em oito bairros do seu entorno, reunindo uma média de 130 espectadores por apresentação. Outro novo projeto implantado foi o Circuito do Conhecimento, que percorreu os bairros de Cariacica de abril a dezembro, levando ações voltadas para a educação ambiental e a promoção da saúde para as comunidades.



Em 2017, esses projetos terão continuidade e serão intensificados, como destaca a analista de Comunicação e Responsabilidade Social da empresa, Paloma Moreno: "Esperamos desenvolver ainda mais, em 2017, esta aproximação com as comunidades, por meio de projetos como o Portas Abertas, o Artes Cênicas Mês e Mês, o Circuito do Conhecimento e muitos outros, que daremos continuidade", diz.


Paloma refere-se a projetos como o Ver e Viver, o Digna Idade, o Cidadania Digital, o Acordes, o Cidadãos do Amanhã e o Prêmio ArcelorMittal de Meio Ambiente, que já são realizados pela empresa há alguns anos e sempre tiveram boa receptividade pela população.




Em 2016, o Ver e Viver entregou gratuitamente 258 óculos a estudantes do ensino fundamental de Cariacica diagnosticados com problemas visuais. Esses alunos foram identificados em triagens realizadas em mais de 1.200 estudantes em duas escolas do município, dos quais 406 apresentaram dificuldades para enxergar e 258 demonstraram a necessidade do uso de óculos, após consulta com um médico oftalmologista.


Já o projeto Cidadania Digital formou duas turmas em 2016, qualificando mais de 70 moradores dos bairros Sotelândia e Bela Aurora que, durante quatro meses, tiveram aulas em minicursos de Montagem e Manutenção de Computadores, Formatação e PowerPoint.


 "Estou desempregado e vi no curso a oportunidade de melhorar a minha vida profissional. Aproveitei e também matriculei o meu filho de 14 anos", afirmou Alexandre da Silva Mendes, um dos participantes do Cidadania Digital. Para a analista de Comunicação da ArcelorMittal Cariacica, Paloma Moreno, "2016 foi um ano importante no relacionamento com as comunidades e, em 2017, estaremos ainda mais inseridos na vida dos bairros do nosso entorno", finaliza.


Fonte: Assessoria de imprensa ArcelorMittal 
Fotos: Divulgação 

Empresas Mantenedoras

  • Usiminas
  • Usiminas