pt

  • pt

  • en

  • es

ABM News

Grupo Gerdau supera o patamar de 20 mi/t em capacidade instalada

28/06/2006
O aumento da capacidade instalada da Gerdau Açominas, de 3 milhões de toneladas para 4,5 milhões de toneladas por ano, posicionará o Grupo Gerdau num novo patamar no cenário global da siderurgia.    
    
Com o investimento de US$ 1,5 bilhão na unidade de Ouro Branco (MG), o Grupo Gerdau passará a ter capacidade instalada anual de 20,5 milhões de toneladas de aço, contra os atuais 19 milhões de toneladas.  

A expansão da usina está voltada para atender o mercado internacional, destino de aproximadamente 70% da sua produção, a qual é utilizada principalmente na indústria naval e automobilística, em eletrodomésticos e em peças de forjaria.   
    
Os investimentos destinam-se à instalação de um novo alto-forno (2), lingotamento contínuo de placas e lingotamento contínuo de blocos, além da unidade de desgaificação a vácuo para aumentar a qualidade do aço, conjunto de pontes rolantes e equipamentos auxiliares.  

Atualmente, estão em andamento investimentos na coqueria 2, sinterização 2, alto-forno 2, aciaria, laminação primária e central termoelétrica. Também está programada a instalação de mais um forno-panela, o qual contribuirá para o aumento da qualidade do aço, entre outros benefícios, de uma linha de acabamento e resfriamento de tarugos e um laminador desbastador. 

Além disso, a usina ampliará a sua suficiência energética com a instalação de mais um turbo gerador soprador para abastecimento do novo alto-forno. Desta forma, a unidade manterá o nível de 70% de suficiência energética mesmo com a expansão, por meio do aproveitamento de gases gerados no próprio processo industrial. 

Durante um ano e meio, cerca de cinco mil empregos temporários serão gerados, sendo que no pico da construção (final de 2006) a previsão é abrir oito mil vagas.  
 

publicidade